Você está aqui: HomeFornecedor de TINotícias do FornecedorTelecomMinenotebooks devem render 25% do mercado para a Insigne

Minenotebooks devem render 25% do mercado para a Insigne

Publicado em Telecom
30 Agosto 2008
Os pequenos notebooks já são vistos nas mãos de muitas pessoas nos meios empresariais e profissionais liberais. Este é um sinal que este novo tipo de PC deverá registrar forte crescimento nos próximos anos. No Brasil e no mundo. É difícil não ouvir comentários dos que tomam contato pela primeira vez que sobre os novos mininotebooks e que se trata de equipamento que começa a entrar na lista de desejos de muita gente, principalmente pela sua mobilidade e facilidade de uso. O baixo preço já foi levado em conta, é claro. Como provedora do sistema operacional de PCs que integram o programa de inclusão digital Computador pára Todos, a Insigne Free Software do Brasil quer conquistar 25% deste mercado no Brasil e já anunciou a ampliação de sua equipe para atender à demanda técnica do produto, que demanda customização especializada porque os mininotebooks oferecem pouco espaço e menor capacidade de processamento. “Eles são práticos, mas os fabricantes ainda estão se adaptando ao novo conceito e estudando como oferecer o melhor produto sem que os custos sejam afetados”, comenta João Pereira da Silva Jr., presidente da Insigne. ““Já estamos em processo de homologação do Insigne para mininotebook em alguns fabricantes e em breve teremos novidades”, informa o executivo. Para o executivo, estes novos PCs devem atender à demanda não apenas dos usuários iniciantes, mas também a uma boa parte dos profissionais que gostariam de ter um PC com maior mobilidade com acesso à internet para evitar usar os caros smartphones, que possuem tarifas mais caras que os pacotes de dados oferecidos pelas operadoras 3G.
Entre para postar comentários

Login