Você está aqui: HomeFornecedor de TINotícias do FornecedorAtualidadesEmbratel inaugura novo Centro de Operações de Segurança

Embratel inaugura novo Centro de Operações de Segurança

Publicado em Atualidades
28 Outubro 2019

Ambiente utiliza modernas tecnologias para combater ataques cibernéticos 

A Embratel anuncia a inauguração de seu novo Centro de Operações de Segurança (Security Operations Center - SOC) para atender clientes corporativos que desejam proteger seus negócios, dispositivos e aplicações de ataques cibernéticos. O novo centro fica em São Paulo e opera para clientes empresariais de todos os tamanhos e segmentos de mercado.  

O serviço de segurança da Embratel utiliza tecnologias de Análise de Comportamento, Inteligência Artificial e Cognitiva, além de Machine Learning, para garantir a segurança e ampliar a proteção contra-ataques sofisticados de forma mais aprofundada, ágil e precisa. O monitoramento permite examinar 100% dos eventos ocorridos nas redes móveis da Claro para os serviços de dados, voz e SMS, além de atuar de forma contínua (24 horas por dia, sete dias por semana).

“A Embratel está na vanguarda do mercado e é a primeira empresa a ter um centro capaz de gerenciar até dispositivos de Internet das Coisas (IoT)”, afirma Mário Rachid, Diretor Executivo de Soluções Digitais da Embratel, destacando o pioneirismo da empresa com centros de segurança digital no Brasil.

A Embratel fornece às empresas um serviço de segurança completo de análise de dados em tempo real capaz de coletar e correlacionar informações de diferentes plataformas e dispositivos, além de outras fontes tecnológicas do ecossistema dos clientes. Estes eventos coletados são confrontados com os padrões de comportamento do ambiente do cliente e qualquer cenário anômalo identificado permite o início imediato de uma série de ações e medidas para mitigar e bloquear possíveis ameaças às aplicações, dispositivos e ao negócio das empresas. 

“Ao reconhecer um possível perigo, os especialistas do SOC da Embratel atuam prontamente para conter o incidente. Desta forma, as ameaças são neutralizadas, diminuindo riscos de impactos operacionais, de reputação ou financeiros que afetam diretamente os negócios das organizações”, explica Rachid. 

A identificação de comportamentos atípicos é complementada com consultas a bases de dados mundiais de ameaças, além de riscos recém-identificados, conhecidos como Zero-Day – ataques ainda não catalogados. Um portal contendo diferentes tipos de relatórios garante visibilidade às empresas sobre a situação do seu ambiente de TI, com visões técnicas e de negócio. 

  Os processos utilizados no SOC são suportados pelos mais atuais modelos operacionais e de gestão disponíveis no mercado. Todo o ambiente do SOC é equipado com elementos de monitoramento como videowall, monitores e computadores, sala de War Room para gerenciamento de crises e telepresença dedicada. O novo SOC da Embratel também atua como backup da operação do SOC no Rio de Janeiro.

 

Entre para postar comentários