Você está aqui: HomeFornecedor de TINotícias do FornecedorAtualidadesEricsson Mobility Report: a adoção da tecnologia 5G é ainda mais rápida do que esperada

Ericsson Mobility Report: a adoção da tecnologia 5G é ainda mais rápida do que esperada

Publicado em Atualidades
10 Julho 2019

Cobertura 5G deverá atinja 45% da população mundial até o final de 2024. Estima-se que, também em 2024, as redes 5G transportem 35% do tráfego móvel global

A rápida adoção e entusiasmo pelo 5G levou a Ericsson a incluir mais 400 milhões de assinaturas de banda larga móvel em todo o mundo até o final de 2024. A edição de junho de 2019 do Ericsson Mobility Report prevê 1,9 bilhão de assinaturas 5G - acima de 1,5 bilhões previstos na edição de novembro de 2018 - um aumento de quase 27%.

Outras previsões também aumentaram visivelmente como resultado da rápida adoção do 5G. Prevê-se que a cobertura 5G atinja 45% da população mundial até o final de 2024. Isso pode aumentar para 65%, já que a tecnologia de compartilhamento de espectro permite implementações 5G em bandas de frequência LTE.

Provedores de serviços de comunicação em vários mercados estão migrando para o 5G após o lançamento de smartphones compatíveis com a tecnologia. Prestadores de serviços em alguns mercados também estão estabelecendo metas mais ambiciosas para cobertura de até 90% da população no primeiro ano.

O forte compromisso dos fornecedores de chipsets e dispositivos também é fundamental para a aceleração da adoção do 5G. Smartphones para todas as principais bandas de espectro estão programados para chegar ao mercado ao longo deste ano. À medida que os dispositivos 5G se tornam cada vez mais disponíveis e mais redes 5G são ativadas, mais de 10 milhões de assinaturas 5G estão previstas para ser criadas em todo o mundo até o final de 2019.

Espera-se que a adoção de assinaturas 5G seja mais rápida na América do Norte, com previsão de 63% das assinaturas móveis de 5G em 2024. A região do Nordeste da Ásia segue em segundo lugar (47%) e Europa em terceiro (40%).

Fredrik Jejdling, Vice-presidente Executivo e Chefe de Redes da Ericsson, afirma: “O 5G está definitivamente decolando e em ritmo acelerado. Isso reflete o entusiasmo dos provedores de serviços e dos consumidores pela tecnologia. O 5G terá um impacto positivo nas vidas e negócios das pessoas, alcançando ganhos além da IoT e da Quarta Revolução Industrial. No entanto, todos os benefícios do 5G só podem ser obtidos com o estabelecimento de um ecossistema sólido, com a participação dos parceiros de tecnologia, regulamentação, segurança e indústria. ”

O tráfego total de dados móveis continuou a subir globalmente no primeiro trimestre de 2019, registrando um aumento de 82% em relação ao ano anterior. Prevê-se que chegue a 131 EB por mês até o final de 2024, sendo que 35% são projetados para redes 5G. Há 1 bilhão de conexões móveis de IoT em todo o mundo, um número que deve aumentar para 4,1 bilhões até o final de 2024, com 45% representados por utilitários como sensores, equipamentos médicos / wearables, medição inteligente e equipamentos de transporte com sensores de rastreamento.

O relatório de junho de 2019 também apresenta três artigos escritos em parceria com provedores de serviços que oferecem uma amostra do progresso que está sendo feito em mercados explorando o 5G.

Com a Telstra na Austrália, a Ericsson mostra como gerenciar a crescente demanda por dados e vídeos, mantendo a experiência do consumidor, especialmente para transmissão de conteúdo ao vivo. Na Rússia, a MTS ajuda a descrever como as redes móveis devem evoluir para garantir o nível de desempenho da rede que atenderá às expectativas de experiência do cliente durante os preparativos para o 5G. O artigo escrito em parceria com a Turkcell (Turquia ) examina a gestão de performance de rede e ofertas de serviços durante uma implementação de acesso sem fio fixo (FWA) bem sucedida. 

 Leia aqui o relatório completo da Ericsson Mobility Report Junho 2019

 

Entre para postar comentários