Você está aqui: HomeFornecedor de TINotícias do FornecedorAtualidadesStartup lança emissor de certificado para agilizar a burocracia no transporte de cargas

Startup lança emissor de certificado para agilizar a burocracia no transporte de cargas

Publicado em Atualidades
01 Novembro 2018

Procura por emissor de MDFe aumenta após fim da plataforma gratuita

Desde o início de outubro, a Secretaria da Fazenda (Sefaz) descontinuou seu emissor gratuito de MDF-e (Manifesto de Documentos Fiscais Eletrônicos), certificado exigido pela Secretaria para que fiquem registradas todas as operações de transporte, sejam elas feitas por transportadoras com vínculo de CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico), para transporte de carga para terceiros ou por empresas que transportem as suas próprias mercadorias. Mesmo com o fim do emissor, o documento continua obrigatório. Por isso a procura por softwares pagos cresceu em todo o país, segundo a VHSYS, startup paranaense que fornece software de gestão empresarial na nuvem para micro, pequenas e médias empresas. De acordo com a Sefaz, o baixo percentual de empresas que utilizavam o serviço foi uma das razões levantadas para o fim do emissor gratuito.

Para auxiliar as transportadoras, a VHSYS lançou um emissor de MDF-e que, além de emitir o documento obrigatório, resolve a burocracia que envolve o transporte de cargas e padroniza os processos por meio de um documento único. "O software resolve toda a parte chata que envolve a documentação relacionada ao transporte de cargas e oferece uma interface prática. A ferramenta proporciona uma série de vantagens, como armazenamento automático e digital de todos os documentos durante um período de cinco anos, além de várias ferramentas para o empresário gerenciar a transportadora", explica Reginaldo Stocco, CEO da VHSYS.

Um dos diferenciais ao utilizar o software é que, ao preencher o trajeto da carga, o usuário pode informar mais de um município de carregamento e descarregamento. "Por exemplo, em um transporte de carga partindo de Curitiba para o Rio de Janeiro, a empresa pode informar paradas em São Paulo e Campinas para descarregar e carregar novamente. Todas essas informações são facilmente adicionadas no MDF-e e ajudam o empresário a economizar muito tempo, tanto no preenchimento das informações quanto nas paradas de fiscalização", orienta Stocco.

Diferentemente de outros emissores do mercado, o da VHSYS também oferece sistema de gestão empresarial integrado para emissão de todos os tipos de notas fiscais e controle de estoques e vendas. Outra vantagem é que o sistema também oferta o certificado digital para CT-e, documento eletrônico obrigatório que que funciona como uma identidade digital da pessoa física e jurídica no ambiente virtual.

MDF-e 

O MDF-e nasceu com o objetivo de implantar um modelo nacional de documento fiscal eletrônico para substituir a sistemática atual de emissão do documento em papel, com validade jurídica garantida pela assinatura digital.  Foi uma forma de simplificar as obrigações acessórias dos contribuintes e permitir o acompanhamento em tempo real das operações comerciais pelo Fisco.

Entre para postar comentários