Convencer as empresas da importância da TI

Ele acredita que muita coisa deve ser feita para que o ambiente seja melhor e os resultados possam atender às expectativas dos  profissionais envolvidos e da própria empresa. Também construiu esta  opinião convivendo com o mercado de TI e analisando a situação de  muitas outras companhias. Na Hebron ele começou sua carreira como auxiliar de escritório e hoje  atua como gerente de TI nas áreas de Gestão de Projetos de implantação  e implementação de ERP, entre eles o SAP R/3. Atua também na  administração e segurança de redes de computadores, além de  desenvolvimento de sistemas.

Para Erivam, muitas coisas necessitam de transformação para que os  profissionais de TI - e as próprias empresas - possam ter o melhor  ambiente de trabalho e de resultados. Para ele, o primeiro passo a ser  dado pode partir dos próprios profissionais de TI, convencendo seus  diretores da importância da Tecnologia da Informação para os negócios.  “Convencer os membros da organização da necessidade de investimento  constante na área de TI, seja para aperfeiçoamento profissional ou  para aquisição de equipamentos e softwares, não se trata de uma tarefa simples. Isso se deve aos elevados  custos de itens relacionados a TI que podem até ofuscar os resultados  que, em geral, não são facilmente percebidos", afirma ele.

Graduado em Administração com habilitação em Gestão de Negócio, MBA em  Gestão de Pessoas e Negócios, concluindo pós-graduação em Engenharia  de Software e ministrando aulas para os cursos de Administração,  Contabilidade e Direito, na Faculdade do Vale do Ipojuca (FAVIP) em  Caruaru, Pernambuco, Albuquerque acredita que "as organizações devem  ter Tecnologia da Informação como um recurso estratégico que pode  proporcionar vantagem competitiva. Cabe ao profissional de TI saber  expandir seus conhecimentos e habilidades para entender melhor os  processos de negócio e as necessidades de informação da sua  organização. Isso proporcionará certamente a conquista de bons  resultados no uso da TI e também excelentes perspectivas para o seu  futuro profissional".

Sobre sua atuação na empresa, ele responde:

IT Portal - Quantas pessoas compõem a equipe de profissionais de TI da  empresa?

Erivam Albuquerque - Somos um total de quatro pessoas dedicadas à área de TI.

IT Portal - Quais os principais planos em TI de sua empresa para 2009?  Quais os objetivos?


Erivam Albuquerque - Acrescentar ao nosso ERP os módulos de CRM  (Customer Relationship Management), Controle de Qualidade e BI  (Business Intelligence). O nosso objetivo com a aquisição destes  módulos é ter um meio abrangente de gerenciar o relacionamento com clientes e ter ferramentas que possam auxiliar pessoas por meio do  tratamento da base de dados existentes, de maneira a aprimorar o  processo de tomada de decisão.

IT Portal - A empresa costuma fazer upgrade de sistemas de gerenciamento e planejamento?

Erivam Albuquerque - Não com muita freqüência.

IT Portal - Quais as razões. Isto traz algum prejuízo para a empresa?

Erivam Albuquerque - Na verdade, não houve necessidade. O nosso sistema  de gerenciamento é o SAP R/3. O que fazemos é desenvolver internamente  rotinas em ABAP (linguagem de programação para SAP), com a finalidade  de obter algumas funcionalidades. Quanto aos sistemas de planejamento em  nível estratégico, ainda não utilizamos tais sistemas.  Futuramente  
estaremos adquirindo um sistema com para finalidade.

IT Portal - Na sua opinião, quais as tecnologias que predominarão nos  próximos anos?

Erivam Albuquerque - Aplicação do uso de redes sem fio e a aplicação  de protocolos  TCP/IP em diversos equipamentos inclusive de uso  doméstico.

IT Portal - Qual livro de TI ou Negócios leu recentemente (ou está  lendo)? O que lhe chama (ou chamou) mais atenção nesta obra?

Erivam Albuquerque - Estou Tramadol lendo um livro de Peter F. Drucker  intitulado,  “O melhor de Peter Drucker: O Homem” , o qual trata de  assuntos relacionados à administração. Nele o autor usa o termo  ”knowledge worker”, para caracterizar o trabalhador moderno, que não se  baseia na força física para realizar o seu trabalho, mas na  capacitação sob forma de conhecimentos. Trabalhador preparado para  agir por iniciativa própria, em decorrência de seus conhecimentos e  preparado para tomar decisões.


IT Portal - Quais veículos de comunicação você costuma consultar para se  atualizar sobre o mercado?

Erivam Albuquerque - Internet e revistas especializadas.

IT Portal - Prefere sistemas baseados em Linux, Windows ou Mac?  Por quê?

Erivam Albuquerque - Prefiro Linux, pois ele é free e open-source. Free  porque é grátis, ou seja, você não precisa pagar um centavo para  adquirir o Sistema Operacional. Open-source porque tem o código fonte  aberto, ou seja, você pode pegar os fontes, ler, alterar e  redistribuir. No que diz respeito às distribuições Linux para uso em  servidores são muito estáveis o que pode garantir com mais segurança a disponibilidade dos serviços. O Linux permite troca de  informações com outros sistemas operacionais. Inclusive utilizamos a  plataforma Linux para instalar nossa aplicação ERP e seu banco de  dados. Também tenho desenvolvido sistemas de aplicação exclusiva na  empresa que são baseados em Linux fazendo uso de banco de dados MySQL,  
Linguagem de programação PHP, interface HTML, Perl e servidor Web  Apache.


IT Portal - O que acha da virtualização? Acredita que ela facilita?  

Que é apenas mais uma moda que logo passará?


Erivam Albuquerque - É segura, pois faz uso de recursos de  encapsulamento, independe de hardware, particionamento, criação automática de storage, diminuindo a sub-utilização de uso do servidor.É uma tecnologia que tende a crescer, pois proporciona economia de cabeamento, transporte, energia elétrica e  espaço físico para acomodação de servidores.

IT Portal - Como é o trabalho de segurança digital da empresa?  Quais  as tecnologias utilizadas?


Erivam Albuquerque -A segurança digital é provida por meios de  aplicativos oferecidos em distribuições Linux dentre as quais estão  soluções de Firewall, Filtro de SPAM, autenticação para envio e  recebimento de e-mail, controle de navegação Web e ferramentas de  auditoria e uso de recursos de rede e Internet. Além do uso de  antivírus e antispywares nas estações. Há também políticas internas  quanto à utilização dos recursos de rede e execução e manutenção de  
backups de servidores e estações de trabalho.

IT Portal - Muitos estudos divulgados apontam o Brasil como um país de  grande futuro em TI. No entanto, as vagas oferecidas pelo mercado não  estão sendo preenchidas, segundo as empresas - devido à falta de  profissionais capacitados. Por que isso acontece e o que poderia ser  
feito para mudar este quadro?

Erivam Albuquerque - A primeira coisa que os profissionais de TI  deveriam fazer para modificar este quadro é investir em sua  qualificação. Não falo apenas de qualificação técnica como  
certificações profissionais Microsoft e Oracle, por exemplo. O  profissional de TI hoje deve procurar adquirir uma visão estratégica  da organização, para poder identificar oportunidades do uso da TI para  alavancar negócios e gerar novas fontes de renda.  Ele deve entender o  
jargão do negócio (compreender o significado de expressões como  ”margem de lucro”, “benchmarking” e qualquer outro termo normalmente usado  nas reuniões corporativas), para poder conversar de igual para igual  com a alta direção. Deve ser um profissional pró-ativo, não ficar  esperando que as outras áreas da empresa requisitem novos serviços, e  sim atuar como um agente de mudanças, demonstrando como novas  ferramentas de TI podem trazer benefícios para o negócio.

IT Portal - Como é o treinamento para a equipe de TI e demais usuários  dos sistemas?

Erivam Albuquerque - A empresa proporciona treinamento com  especialistas quando necessário. E há também a troca de experiências  entre os profissionais de TI.